Plural de Mau ou Mal - Regras Gramaticais

As dúvidas a respeito da forma correta de se escrever "mau" e "mal" são bastante frequentes, e não só sobre o significado e/ou aplicação.

Às vezes o plural dessas duas palavras pode confundir nossa cabeça. Para tanto, você pode aprender algumas manhas para se ajudar nestas dúvidas.

Basicamente o plural de "mal" é "males" é de "mau" é "maus". Mas dá pra entender isso melhor:

Plural de "mau"

Em relação a palavra "mau" o seu plural é feito da forma mais simples. Acrescentando um s no final. O mesmo vale para o seu feminino, "má". Sendo assim o plural ficaria:

  • Mau->Maus
  • Má->Más

Para os substantivos compostos, porém, existem várias regras para a formação do plural.

Pode ser feito pela flexão dos dois elementos que formam a palavra, apenas pela flexão do primeiro elemento que forma a palavra, apenas pela flexão do segundo elemento que forma a palavra ou pela não flexão dos elementos, se mantendo invariável.

Uma das regras de formação do plural de substantivos compostos diz que os substantivos compostos formados por palavras variáveis (adjetivos, substantivos, pronomes, numerais) fazem seu plural pela flexão de todas as palavras.

Veja no exemplo :

*Ele tem grande má-fé-> Eles têm grandes más-fés.
*O cara é um mau-caráter->Os caras são maus-caracteres.-> Em casos similares, as duas palavras são conjugadas no plural, pois ambas são variáveis.

Mesmo no caso de "má-fé" que fica um pouco estranha o plural deve ser aplicado dessa forma.

mau-ou-mal-plural

Plural de "mal"

Os substantivos terminados em al, el, olul flexionam-se no plural, trocando o l por is.

Por exemplo:

Quintal – Quintais
Caracol – Caracóis
Hotel – Hotéis

Porém "mal", assim como "cônsul", são exceção í  regra. Para tais, se acrescenta no fim da palavra es:

Mal – Males
Cônsul – Cônsules

Porém é necessário ficar atento a alguns detalhes. A palavra "mal", como advérbio, se mantém invariável, não possuindo forma no plural:
*Foi uma noite mal dormida! -> Foram muitas noites mal dormidas!
*Tivemos um mal-entendido. -> Tivemos alguns mal-entendidos.

Mau ou Mal - Regras gramaticais

Mas porque "mal" não segue a regra de substituir o l por is? Existem duas explicações: A primeira é que se substituição ocorresse se formaria a palavra "mais" e isso poderia gerar muita confusão.

A segunda e mais aceita é que "mal" se origina no latim male. Nesse caso, prefere-se seguir a sua estrutura etimológica.

Agora, com essa explicação, acho difí­cil você voltar a errar esses plurais em seus textos.

Para garantir que você não cometa essas gafes mais, o melhor a se fazer é se manter lendo e escrevendo constantemente e estudar.

Aos poucos essas palavras se tornarão bastante naturais para você.

Agora vamos lá estudar um pouco?